Quais são os hábitos que afetam a saúde da tireoide?

Mudanças costumam gerar desconforto. Isso porque, inserir novos hábitos no dia a dia não é uma tarefa simples, principalmente em se falando de saúde. Por este motivo, eu listei 5 hábitos que afetam a saúde da tireoide e que, talvez, você ainda não conheça.

No sentido literal da palavra, hábito significa uma maneira permanente de fazer as coisas, um costume ou um modo frequente de comportar-se.

Desta forma, fica fácil perceber que os hábitos governam o nosso dia a dia, desde a hora de acordar até o momento de dormir, e que executamos muitos deles no “modo automático”.

Contudo, existem alguns hábitos que prejudicam a qualidade de vida ao longo do tempo e por este motivo, nunca é tarde para revê-los e para adotar novas práticas que beneficiem a saúde, assim como, mudar os hábitos que afetam a saúde da tireoide diretamente.

Para entender mais sobre o assunto e descobrir quais são os 5 hábitos que afetam a saúde da tireoide, siga com a leitura até o final. 

A importância de se preservar a tireoide

É sabido que a glândula da tireoide tem uma função importantíssima no corpo humano, ou seja, a função de regular o metabolismo. A forma como o organismo preserva energia, distribui para as outras partes do corpo e responde aos estímulos externos e internos, está totalmente ligada a tireoide.

Dito isto, as doenças tireoidianas como hiper ou hipotireoidismo são preocupantes.

As disfunções da tireoide afetam a qualidade de vida da pessoa de maneira significativa, fazendo com apresentem sintomas extremamente desconfortáveis e impactantes.

Dada essa relevância, a cada dia que passa aumenta o número de pessoas que procuram os consultórios médicos para investigar e/ou tratar sua tireoide. No entanto, poucas se atentam para o seu próprio estilo de vida ou para os seus hábitos diários.

Muitas vezes a causa está justamente nessas duas questões.

E como eu costumo afirmar aqui no blog, na redes sociais e no meu Canal do Youtube, um atendimento médico feito para investigar a tireoide não pode se limitar a queixa que a pessoa apresenta em consultório. Ele deve ir além, olhando para o indivíduo de forma holística, levando em consideração o seu histórico de saúde familiar, seu estilo de vida e os hábitos diários.

Se tratarmos as pessoas de forma pontual amenizando os sintomas por meio de medicamentos somente, não teremos sucesso a longo prazo, pois as causas que prejudicaram a tireoide foram, por fim, negligenciadas.

Leia mais: 5 dicas para melhorar a sua tireoide

5 hábitos que afetam a saúde da tireoide

Meu objetivo com este conteúdo não é apenas alertar sobre a importância de hábitos saudáveis, mas sim lhe ajudar a identificar quais deles podem estar prejudicando a sua tireoide, até mesmo sem se dar conta.

Deste modo, separei 5 hábitos que afetam a saúde da tireoide que você precisa dar atenção hoje mesmo, caso deseje preservar sua saúde e manter a função dessa glândula tão importante.

Veja só:

Hábito 1) Consumir alimentos goitrogênicos crus

Os alimentos goitrogênicos tem substâncias que dificultam a absorção do iodo, um mineral essencial para o funcionamento da tireoide. Esses alimentos não devem ser ingeridos crus diariamente, sob pena de resultar em doenças tireoidianas como hiper ou hipotireoidismo, além de  doenças graves como cânceres de tireoide.

Pessoas que já tem problemas com a tireoide devem evitar ao máximo o consumo desses alimentos crus.

São alimentos considerados goitrogênicos (também conhecidos como crucíferos):

  • Couves em geral (bruxelas, manteiga, chinesa, flor);
  • Repolhos;
  • Brócolis;
  • Rabanetes;
  • Nabos;

Gostaria de destacar duas questões importantes neste hábito. Deve-se tomar cuidado com a ingestão de suco verde pela manhã, principalmente se a pessoa apresenta disfunções tireoidianas. Além disso, a soja também é um alimento goitrogênico, ou seja, causa problemas a tireoide se for consumida diariamente, com exceção das preparações fermentadas.

Hábito 2) Negligenciar o funcionamento do intestino

Que o intestino é um elemento importantíssimo no corpo humano, isso todo mundo já sabe. Mas será que você sabe o quanto ele influencia na saúde da tireoide?

O intestino é um poderoso receptor do corpo humano. Assim como o cérebro, ele ativa milhões de células que captam os nutrientes dos alimentos para manter o organismo saudável e vigoroso.

No entanto, existem alguns alimentos que acabam por inflamar as células do intestino, fazendo com que não atuem corretamente e que ainda levem para a corrente sangüínea, substâncias maléficas. Um intestino doente está associado a diversas outras doenças comuns hoje dia, como as cardiovasculares, depressão e diabetes.

Existem estudos que fazem ligação entre o intestino inflamado e o desenvolvimento de patologias autoimunes, como é o caso da disfunções tireoidianas.

Veja bem, quando o intestino não consegue absorver os nutrientes necessários para o funcionamento adequado da tireoide, ela está prejudicando-a diretamente. Ou seja, reforça-se a necessidade de uma alimentação saudável, o consumo de água diário e a prática de atividades físicas regulares. 

Se não se tratar e melhorar o intestino identificando os alimentos que causam inflamações, principalmente por meio do exame A-200, retirando-os da dieta, inoculando os lactobacilos bons e colocando na dieta os alimentos benéficos para o intestino, pouco se avançará no tratamento das doenças inflamatórias.

Hábito 3) Usar medicamentos sem levar em conta a saúde da tireoide

Entender se a pessoa já usa algum medicamento regularmente faz parte de uma boa investigação sobre as causas das doenças tireoidianas. Isso porque, existem alguns medicamentos que influenciam diretamente no funcionamento da glândula.

Antidepressivos, ansiolíticos e alguns antiarrítmicos podem acometer seriamente a tireoide.

Portanto, é preciso avaliar os efeitos colaterais dos medicamentos de uso contínuo sob pena de causar um problema ainda maior, ao afetar negativamente uma importante glândula do corpo humano.

Hábito 4) Não cuidar da qualidade da água que você utiliza

Existe um elemento muito utilizado no tratamento da água e que pode afetar a tireoide, caso o indivíduo seja demasiadamente exposto a ele. Estamos falando do cloro.

Certamente você já bebeu água e sentiu um cheio ou um gosto diferente. Ou saiu da piscina cheirando a cloro, com pele e cabelos ressecados. Não é mesmo?

Perceba que o cloro está mais presente no nosso dia a dia do que imaginamos. Sendo assim, é importante saber que esse elemento químico pode provocar doenças como o hipotireoidismo, pois o cloro que inalamos, principalmente, prejudica a absorção do iodo, que por sua vez é essencial a tireoide.

Neste caso, a exposição excessiva é um problema.

Hábito 5) Se descuidar com o uso de flúor

Assim como o cloro, o flúor atrapalha a absorção do iodo. Quando exposto a esses elementos (cloro, flúor e bromo), o organismo dará preferência a eles ao invés do iodo, prejudicando diretamente o desempenho da tireoide.

O flúor também está presente em hábitos simples do nosso dia a dia, como escovar os dentes ou fazer uma limpeza no dentista.

O que deve ser levando em consideração, neste caso, é o quanto somos expostos a todos esses elementos e com que frequência. O que se pode evitar, deve ser evitado sem exitação.

Mais do que um hábito, um estilo de vida

Neste artigo eu listei 5 hábitos que prejudicam a tireoide, contudo, o principal objetivo deste conteúdo é reforçar que o seu estilo de vida pode estar causando doenças graves e acelerando o processo de desgaste da tireoide.

O seu estilo de vida é composto pelos seus hábitos diários, portanto é preciso se dedicar às mudança e fazer escolha inteligentes para viver mais e viver com qualidade.

O bom funcionamento da tireoide depende das escolhas que você fará hoje e agora, a fim de preservá-la e de garantir que a mesma continue atuando plenamente nos proporcionando, disposição, energia, equilíbrio emocional, concentração, humor e sono de qualidade.

Você também pode gostar de ler: Alimentos que danificam a tireoide: saiba por que evitar

Dr. Eudes Taralo

Fascinado por ciência e pela compreensão do ser humano sob uma perspectiva integrada e global, o Doutor Eudes Tarallo nunca se conformou plenamente com a grande maioria das respostas oferecidas pela medicina ocidental comum.

Tudo que você precisa saber sobre hipo & hiper tireoidismo