Estresse e tireoide: como essas sensações impactam a saúde?

Você conhece a relação entre estresse e tireoide?

Em tempos que viver estressado parece inevitável, ignoramos completamente os impactos desse estresse em nossa saúde.

A tireoide é diretamente impactada pelo estresse. Isso porque desencadeia uma série de hormônios, como o cortisol e a adrenalina, responsáveis por desequilibrar outros hormônios do organismo.

Entre esses hormônios, podemos incluir aqueles produzidos pela tireoide, como T3 e T4.

Mas, quais os efeitos do estresse na saúde da tireoide? Existe algo a ser feito para manter o controle?

Continue até o final para entender mais sobre a relação entre estresse e tireoide.

O hormônio do estresse na função tireoidiana

Manter o organismo em um estado de estresse crônico afeta a glândula tireoidiana, levando a uma aceleração de suas funções. Além disso, interfere nas glândulas suprarrenais, o que também impacta indiretamente na tireoide.

Um estudo publicado na revista eletrônica Thyroid Research indica que os níveis de cortisol interferem na produção do TSH, que é o hormônio estimulador da tireoide.

Assim, podemos listar o estresse como fator de risco para o paciente desenvolver hipertireoidismo. Os efeitos do estresse são cumulativos, ou seja, conforme o sujeito é levado por situações de pressão e angústia crônicas, sua função tireoidiana é alterada.

Também está comprovado que pacientes mais estressados tinham maiores dificuldades para converter o hormônio T4 em T3, além de apresentarem outras diversas condições desfavoráveis para a saúde que oferecem riscos indiretos á função tireoidiana.

Leia também: Sintomas da tireoide que você não conhecia

Mas, como contornar o estresse?

Os pacientes que já contam com problemas de tireoide precisam dar muita atenção ao controle do estresse. Mas, se você não está diagnosticado com nenhuma doença, entenda que controlar o estresse ajuda a prevenir muitas patologias.

Há quem pense que apenas tirar férias uma vez por ano é suficiente para relaxar. Precisamos dar “respiros” para nosso corpo e nossa mente frequentemente. Lembre-se que o corpo físico e o corpo mental estão sempre juntos. O tratamento com medicação e outras intervenções necessárias é importante. No entanto, quando ele vem com uma estratégia para melhorar a qualidade de vida, os benefícios são sentidos de forma mais eficiente.

Por isso, aproveite seus finais de semana. Sempre que possível, fique em contato com a natureza. Mesmo durante o trabalho, tirar alguns minutos para respirar pode te ajudar a enfrentar o cotidiano com um melhor controle do estresse.

Eu espero que este artigo ajude você a entender a relação entre estresse e tireoide. Para saber mais, assista ao vídeo abaixo e aproveite para se inscrever em meu canal do YouTube.

Dr. Eudes Taralo

Fascinado por ciência e pela compreensão do ser humano sob uma perspectiva integrada e global, o Doutor Eudes Tarallo nunca se conformou plenamente com a grande maioria das respostas oferecidas pela medicina ocidental comum.

Tudo que você precisa saber sobre hipo & hiper tireoidismo